Doação João Espanhol

A “Casa Espanhol”, especializada em cofres e fechaduras, ou na arte de afiar lâminas de tipografia, foi, durante décadas, referência comercial em Torres Novas. João José Lopes, por todos conhecido como “João Espanhol”, tornou-se, juntamente com os seus irmãos, responsável pela loja de amolar quando tinha apenas 11 anos, na sequência da morte do pai, proprietário da loja, que havia iniciado o negócio em espaço situado no r/c do antigo Cineteatro Virgínia. A “Casa Espanhol” foi, até ao seu encerramento em maio de 2018, o estabelecimento comercial mais antigo da cidade torrejana.

 

Doação Luís Rodrigues

Luís Rodrigues, artista plástico de referência internacional, nascido em Torres Novas mas atualmente a residir em Savigny-sur-Orge, em França. Travou conhecimento e fez escola com os pintores Robert Le Guinio e Marcel Roussi; entre 1974 e 1980 revelava ao público pela primeira vez os seus trabalhos em exposições internacionais. Professor de artes plásticas na escola de Savigny/Orge, de 1990 a 2008, realizou mais de uma centena de exposições individuais e coletivas por toda a Europa, e é um dos principais artistas a integrar eventos culturais de promoção de Portugal fora de portas. Foi agraciado com numerosos prémios e distinções internacionais. Participou, até hoje, em mais de 160 exposições coletivas e bienais de arte, e em mais de 50 exposições individuais em toda a Europa

Calendário

Eventos

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

Torres Novas

Outros sites

Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes Ano Europeu do Património Cultural