Ontem, Dia Internacional da Mulher, fizemos um roteiro especial pelo museu, com as alunas e os alunos da escola Secundária de Maria Lamas, observando a coleção com um olhar crítico e atento à representatividade das mulheres no nosso acervo, nas exposições, e, sobretudo, aproveitando as peças (objetos museológicos) e as suas histórias para abrir novos diálogos contemporâneos sobre os direitos das mulheres, sobre feminismo e igualdade de género.

Maria Lamas, Virgínia Dias da Silva, as operárias da fábrica de Fiação e Tecidos, as filhas do pintor Carlos Reis e as camponesas que surgem nos seus quadros, bem como a escultura da Senhora do Ó foram algumas das figuras que guiaram as conversas, mescladas pelas experiências e referências atuais de cada um/a das/os participantes.

 

Calendário

Eventos

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.

Outros sites

Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes Ano Europeu do Património Cultural