Doação João Espanhol

A “Casa Espanhol”, especializada em cofres e fechaduras, ou na arte de afiar lâminas de tipografia, foi, durante décadas, referência comercial em Torres Novas. João José Lopes, por todos conhecido como “João Espanhol”, tornou-se, juntamente com os seus irmãos, responsável pela loja de amolar quando tinha apenas 11 anos, na sequência da morte do pai, proprietário da loja, que havia iniciado o negócio em espaço situado no r/c do antigo Cineteatro Virgínia. A “Casa Espanhol” foi, até ao seu encerramento em maio de 2018, o estabelecimento comercial mais antigo da cidade torrejana.

Na sequência do encerramento da loja, João Espanhol doou ao museu a sua roda de amolador, que antes tinha pertencido a José Lopes, seu pai.

Dotada de uma estrutura de madeira que enquadra uma roda de carroça que, por alavanca e sistema de correia, aciona a pequena roda para amolação de facas e tesouras, a roda de amolador inclui uma pequena bigorna para pequenos arranjos de chapéus de chuva e outros objetos.

Calendário

Eventos

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Torres Novas

Outros sites

Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes Ano Europeu do Património Cultural