"Carlos Reis inspirava-se na natureza, era um “pintor de ar livre” e fez questão de promover a pintura ao ar livre enquanto professor da disciplina de paisagem na Escola Nacional de Belas Artes.

Nas imagens, Carlos Reis numa lição a algumas das suas discípulas.”

 

"Reconhecer o património cultural de proximidade como património próprio e comprometer-se em ser um agente cultural que participa no processo de identificação, de salvaguarda,

proteção, comunicação, reinterpretação desses patrimónios."

Recomendação da Carta do Porto Santo, documento que nos tem servido de inspiração e foco para o planeamento de ações de mediação cultural com as escolas e as comunidades locais.

Foto: Oficina educativa de antropologia biológica, "Sherlock Bones, construída a partir da coleção osteológica do nosso museu. Escola Visconde São Gião no ano letivo 2020-2021

Fonte: Carta do Porto Santo https://www.culturacentro.gov.pt/media/11842/pt-carta-do-porto-santo.pdf

Calendário

Eventos

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Outros sites

Biblioteca Municipal Gustavo Pinto Lopes Ano Europeu do Património Cultural