Museu Municipal Carlos Reis - Torres Novas

Sem Título
Saúl Roque Gameiro

Home > Notícias > Exposição temporária «Cabeceiras de sepultura medievais, uma memória para o futuro».

Exposição temporária «Cabeceiras de sepultura medievais, uma memória para o futuro».

25-09-2012

Exposição temporária «Cabeceiras de sepultura medievais, uma memória para o futuro».

Exposição «Cabeceiras de sepultura medievais, uma memória para o futuro» a partir de 28 de setembro no Museu Municipal Carlos Reis.

Exposição «Cabeceiras de sepultura medievais, uma memória para o futuro» a partir de 28 de setembro no Museu Municipal Carlos Reis

 De 28 de setembro a 21 de outubro estará patente no Museu Municipal Carlos Reis (MMCR) a exposição «Cabeceiras de sepultura medievais, uma memória para o futuro», que visa mostrar o processo de intervenção de conservação e restauro de um conjunto de estelas.

 O trabalho de intervenção das quatros estelas do MMCR, iniciado em 2011 e concluído recentemente, foi desenvolvido por técnicos do Laboratório de Conservação e Restauro de Materiais Pétreos do Instituto Politécnico de Tomar, sob a responsabilidade do Dr. Fernando Costa, no âmbito do programa de ação Regeneração Urbana do Centro Histórico de Torres Novas.

 As estelas do Museu Municipal Carlos Reis, da época medieval, foram encontradas em 1873 quando se preparavam uns terrenos destinados à implantação do novo cemitério de Olaia, junto à antiga igreja matriz de Olaia, concelho de Torres Novas.

 As sociedades humanas sempre quiseram preservar a memória dos antepassados e fizeram-no de diversas maneiras. Uma das mais vulgares e disseminadas consiste na colocação de lápides nas cabeceiras das sepulturas.

 A decoração que surge nas cabeceiras de sepultura medievais expostas no MMCR evidencia uma rica e singular iconografia. É precisamente através da análise da iconografia que podemos obter variadas perspetivas (económicas e sociais, religiosas, etnográficas e outras) sobre a morte durante a Idade Média e obter informação acerca das pessoas que eram alvo de uma distinção que traduz algo da estratificação social então vigente. São igualmente diversificados os temas que as decorações abordam, desde as profissões ao estatuto militar ou religioso dos mortos.

 A presente exposição constitui o contributo do MMCR para as Jornadas Europeias do Património de 2012, a decorrer nos dias 28, 29 e 30 de setembro, enquadradas no tema «O Futuro da Memória».

Agenda

Destaque

Destaque do Mês

Mário Cesariny, Um Desmesurado Desejo de Amizade

Mário Cesariny, Um Desmesurado Desejo de Amizade

Exposição na celebração do 10º aniversário da morte de Mário Cesariny - 8 de Abril a 11 de Junho
ler mais

Notícia

Peça do mês

01-01-2018

Peça do mês

Carlos Reis 155 anos de génio artístico
ler mais

Newsletter

Arquivo de newsletters